Educação Física: Tudo que você precisa saber sobre o curso

Já pensou em cursar Educação Física mas ainda tem dúvidas sobre qual faculdade escolher. Quanto recebe o profissional, grade curricular, etc? Esse artigo é para você.

Saiba tudo que você precisa antes de matricular-se na Graduação em Educação Física.

O que é?

Ligado à área do conhecimento humano. O curso superior de graduação em Educação Física, capacita o aluno e garante que ele seja responsável por ministrar aulas de educação física. Bem como, conduzir atividades ao indivíduo.

Por ter um sentido amplo, a educação física também visa a prevenção de doenças.

Sobre o curso de Educação Física

O Curso de Educação Física, tem uma duração de 4 (quatro) anos em média. Podendo ser Bacharel ou Licenciatura. O aluno opta qual grau de formação tem interesse na hora do vestibular.

No caso da Licenciatura, o aluno tem estágio supervisionado obrigatório. Após a conclusão, pode lecionar como professor em escolas. Os alunos que optam por Bacharel, devem fazer o TCC (Trabalho de Conclusão de Curso).

Falando sobre a grade curricular. O curso da área de biológicas terá matérias como Fisiologia,  Anatomia Humana, Nutrição e Primeiros Socorros.

Além de disciplinas específicas dentro da prática de exercícios. Por exemplo: atletismo, desenvolvimento motor, ginástica, danças, e entre outros esportes.

O profissional de educação física. Além do diploma da instituição, devidamente reconhecida pelo MEC, deve ter o registro CREF (Conselho regional de Educação Física).

As opções de atuação para o profissional são amplas, listamos abaixo algumas para você conhecer:

  • Academias (aquática, musculação, ginástica)
  • Escolas
  • Ginástica laboral (em empresas)
  • Clubes de esportes
  • Turismo e Hotelaria (recreação, caminhadas, trilhas);

Essas são apenas algumas das áreas onde o profissional pode escolher trabalhar e desenvolver-se na carreira.

Melhores faculdades de Educação Física

  • UFSJ – Universidade Federal de São João del-Rei
  • UFV – Universidade Federal de Viçosa
  • UFRN – Universidade Federal do Rio Grande do Norte
  • UNIP – Universidade Paulista
  • FANOR – Faculdade Nordeste
  • UAM – Universidade Anhembi Morumbi
  • UFPA – Universidade Federal do Pará
  • PUCMINAS – Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais
  • UNB – Universidade de Brasília
  • UNIFEV – Centro Universitário de Votuporanga
  • UFLA – Universidade Federal de Lavras
  • ITCSAS/CENSA – Instituto Tecnológico e das Ciências Sociais Aplicadas e da Saúde
  • FAJ – Faculdade de Jaguariúna
  • PUCRS – Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
  • UNIPLAN – Centro Universitário Planalto do Distrito Federal Uniplan
  • UNIFOA  – Centro Universitário de Volta Redonda
  • UNIT – Universidade Tiradentes
  • UNIEURO – Centro Universitário Euro-Americano
  • ANHANGUERA- Centro Educacional Anhanguera
  • UNESA – Universidade Estácio de Sá
  • UNICSUL  – Universidade Cruzeiro do Sul
  • UNICID  – Universidade Cidade de São Paulo
  • UNIFRAN – Universidade de Franca
  • Faculdade Pitágoras

Quanto recebe um profissional da área?

Professor de Educação Física – entre R$ 1.000 a R$ 4.000. O que vai depender da experiência, porte de escola, etc. Mas os valores variam dentro dessa média salarial.

Em grandes cargos, o professor tornando-se diretor de escola, e dependendo do tamanho da instituição, ele pode chegar a ganhar até R$8.000, pra mais.

Professores concursados na rede de escolas pública, recebem em média R$2455,00, dependendo da carga horária de trabalho.

Professores universitários recebem em média R$5.300, também dependendo da sua experiência e especialização. Nas instituições superiores federais, a faixa salarial é de R$8.000 desde o início da carreira.

Disponibilidade no mercado de trabalho

Como mencionamos anteriormente, há um leque de possibilidades para quem escolhe o curso superior em Educação Física.

O curso de Educação física permite trabalhar e estudar.

Além das categorias de estabelecimentos que citamos para o profissional exercer a profissão. Também há a possibilidade de desenvolver o trabalho como personal trainer, avaliador físico, em academias, etc.

O profissional também pode especializar-se em crianças ou idosos. Dentre outras possibilidades do mundo dos esportes e qualidade de vida.

Além disso, é possível ter o seu próprio negócio. Aumentando suas chances de ganhos com a profissão.

As portas do mercado estão cada vez mais abertas para a profissão. Pois hoje em dia o ser humano tem buscado cada vez mais investir em qualidade de vida.

Mas, vamos ver agora, qual o investimento você precisará fazer?

Investimentos necessários

Caso você consiga uma bolsa de estudos, os investimentos serão outros. Como ida e volta ao curso, livros, entre outros.

Agora o valor da mensalidade, dependerá exclusivamente da instituição onde você escolheu cursar a graduação.

Segundo algumas pesquisas que realizamos. Os valores entre presencial e EAD (Estudo à Distância) variam entre R$ 300,00 e R$ 2.000,00

Profissionais que inspiram

Pelé

O tricampeão do mundo, maior artilheiro da história do futebol. O famoso Pelé é  formado em Educação Física, pela Universidade Metropolitana de Santos. O craque decidiu dedicar-se aos estudos para ir cada vez mais longe.

Galvão Bueno

O narrador apaixonado por esportes, estudou Educação Física na Universidade de São Caetano do Sul. Antes de tornar-se um ícone na televisão. Galvão foi treinador de basquete para cadeirantes, da seleção brasileira. Em 1974 ganhou um concurso da Rádio Gazeta. A partir daí passou a dedicar-se a profissão de narrador. Tornando-se um dos principais do país.

Tite

Tite foi jogador. Porém, muito cedo afastou-se por conta de graves lesões que o impediram de permanecer jogando. Ele é formado na PUC, em Educação Física, e é respeitado mundialmente como técnico de futebol.

Add Comment